quarta-feira, 9 de abril de 2008

um cigarro

É impressão minha ou eles mercantilizaram tudo?
É, eles
Nos mercantilizaram
De repente, se apropriaram
Do nosso espaço-tempo
E nós chamamos isso
de
liberdade

Ninguém se gosta mais
Ninguém se precisa mais
Além do prazo de validade
Do passo da vontade
E da medida do interesse

Eu pergunto a você
É isso, acabou?
Você diz, é isso
Mas, e aquelas conversas
De domingo à noite dentro do carro?
Você volta o rosto pra tela do computador
E acende um cigarro

2 comentários:

yri disse...

ótimo final, Lara Bukowski.

blue bird disse...

e a carne dos animaais seguem apodrecendo.. nos freezers afora, nos corpos adentro..